Paz e Amor!

Paz e Amor!
O Inverno Chegou!!

sexta-feira, setembro 27

Musculação para Idosos II


A musculação, normalmente, está atrelada à imagem de pessoas jovens, com corpos esculturalmente moldados. Porém, o treinamento com pesos não é somente para estética. Claro que a musculação auxilia muito nessa área, tonifica os músculos, entre outros benefícios para imagem. A musculação é um exercício completo, ligado à saúde e à beleza, e que pode e deve ser praticado por todas as pessoas de todas as idades, especialmente por idosos.

Os benefícios à saúde que a prática da musculação são grandemente evidenciados, principalmente quando atletas precisam se recuperar de lesões e outros problemas causados pela prática de outras modalidades de esporte, como o futebol e o vôlei. Na maioria das vezes, estes atletas, quando lesionados, apelam para o treino com pesos para recuperar de lesões e estiramentos. Da mesma forma, muitas pessoas que estão passando por algum problema de saúde, como osteoporose e Mal de Parkinson, podem procurar pela melhora nas condições físicas através da musculação.

Algumas condições físicas ocorrem com mais frequência com o aumento da idade. O corpo humano passa por várias transformações com o passar do tempo: a criança se torna adolescente com as mudanças hormonais, o adolescente se torna adulto, o adulto modifica seu corpo quando se torna idoso. Mas essa passagem do tempo pode ser amenizada com o cuidado com o organismo. A alimentação e a prática de exercícios são as principais maneiras de diminuir o impacto das mudanças em nosso corpo. O ideal seria começar a prática de esporte desde criança, mas nem sempre isso acontece.

Quando se chega a melhor idade, também chamada de terceira idade, muitas pessoas já se sentem mais debilitadas. Isso acontece devido as principais modificações que o organismo enfrenta: a partir dos 40 nossa estatura diminui um cm a cada 10 anos; nossos pés se tornam mais planos; a coordenação motora se torna menor; a gordura corporal aumenta e o metabolismo se torna mais lento; entre outras coisas. E isso acontece para todos.

Benefícios

Excepcionalmente, muitas pessoas passam pelas mudanças, mas não as sentem tão acentuadas. A musculação é um dos principais auxílios para que o corpo não sinta tanto a modificação do tempo. Os principais benefícios da musculação para idosos podem ser vistos em pequenas melhoras: o treinamento com peso aumenta a densidade óssea, portanto combate a osteoporose; fortalece o sistema músculo-esquelético, evitando problemas cardíacos; aumenta o metabolismo de carboidratos no organismo, diminuindo, então, a formação de gordura, além de melhorar a sensibilidade à insulina; produz uma maior força muscular, o que se realiza na melhora da coordenação motora; diminui a pressão arterial, combatendo a hipertensão arterial, doença que acomete muitos idosos; entre outros grandes benefícios diretamente ligados à saúde física.

A melhoria na qualidade de vida não aparece somente no combate direto às doenças mais presentes na melhor idade, mas, também, na área psicológica. O exercício físico regular desencadeia uma série de liberações hormonais, como a "serotonina" que regula o humor e a memória; a Acetilcolina, relacionada à atenção e à aprendizagem e, em níveis baixos, poderia desencadear o Alzheimer; a Endorfina, que diminui a dor e reduz o estresse. Enfim, a musculação não somente diminui o impacto da passagem do tempo no corpo, mas auxilia que o cérebro continue ativo, sem a deterioração tão característica que a velhice traz. Praticar esportes, moderadamente e com o auxílio de um médico e de um profissional de educação física, deve ser inerente à vida das pessoas em todas as idades, como ação preventiva e para melhorar qualquer condição adversa.

Redatora formada em Letras pela Universidade Federal de Viçosa.

*Faça uma avaliação médica antes de começar a exercitar-se*

Nenhum comentário:

Paz!