Paz e Amor!

Paz e Amor!
O Inverno Chegou!!

domingo, dezembro 1

Dieta mediterrânea garante mais saúde

 
O cardápio é considerado um dos mais saudáveis para manter a balança e o coração em plena forma.

Você já deve ter ouvido ou lido que a dieta mediterrânea é uma das mais saudáveis para o coração. Por isso uma versão brasileira está sendo adaptada pelo Hospital do Coração (HCor), em parceria com o Ministério da Saúde. "O objetivo é proteger a população dos vários fatores de risco que agravam ou provocam as doenças cardiovasculares", diz Maria Beatriz Ross, nutricionista e pesquisadora da equipe do HCor.

No lugar de salmão, azeite de oliva e noz, o menu terá sardinha, milho, tapioca e outros alimentos nutricionalmente próximos aos da dieta original, só que mais baratos e acessíveis por aqui. Já no teste piloto, com 120 voluntários com histórico de ocorrências cardiovasculares, a dieta se mostrou eficiente inclusive para quem precisava perder peso.

Menu verde-amarelo
A segunda fase de teste da dieta do HCor deve envolver mais de 2 mil pessoas de todo os país. Os cardápios serão diferentes, sugerindo as comidas típicas de cada região. Mas os participantes deverão montar o prato com base num gráfico que divide os alimentos em três grupos, nas cores verde, amarelo e azul. Você também pode colocá-lo em prática.

Verde 
Ricos em vitaminas, minerais e fibras, como verduras, legumes, frutas, leite e derivados desnatados. Consumir com frequência.

Amarelo 
Arroz, feijão, macarrão, pão, cereais, biscoitos simples e itens com pouco sódio, açúcar, gordura saturada ou colesterol. Consumir em porções moderadas.

Azul 
Carne, frango, peixe, óleo composto (soja e azeite), castanha e itens com mais sódio, açúcar, gordura saturada e colesterol que os itens do grupo amarelo. Consumir com restrição.

Proibidos 
Ficam de fora da dieta os alimentos industrializados com gordura trans (sorvete, biscoito recheado, salgadinhos) e alto teor de sódio (congelados, embutidos) ou de açúcar (balas, doces).

Nenhum comentário:

Paz!