Paz e Amor!

Paz e Amor!
O Inverno Chegou!!

segunda-feira, agosto 9

NOITE


 

NOITE


Uma montanha flutua,
Uma noite sussurra,
O som do vento ecoa...

Solenemente a noite envolve o bosque
Como se ouvisse ao som da vida
Fluir do além da torre do sino.

Absorvido num abismo de silêncio,
A vibrante vida repousa profundamente.

A história em si baseia-se no silêncio,
Curvando suas asas de combate no sossego
Onde a fonte da vitalidade
Preenchê-las-á uma vez mais no vôo.

Todas as coisas entregam-se à noite
E então dormem pacificamente.

Até que o ouro brilhe através do céu acortinado,
Até que as plantas abram seus verdes olhos,
Permitam que a criação dê um profundo suspiro
E durma com o desejo de repousar.


Daisaku Ikeda
 
bjs,soninha
 

Um comentário:

Chica disse...

Lindíssima poesia!Um dia bem legal,beijos,chica

Paz!