São João Tá Chegando Gente!

terça-feira, outubro 21

Cálcio e Risco de Osteoporose em Idosos


As doenças decorrentes da idade podem ser evitadas sabendo tomar medidas de prevenção com um estilo de vida saudável, praticando atividades físicas regulares, alimentando-se adequadamente, evitando o uso de tabaco, bem como detectando precocemente problemas de saúde. A alimentação adequada é fundamental para promoção, manutenção e recuperação da saúde de idosos, podendo até atenuar as mudanças decorrentes do envelhecimento se balanceada nutricional e dieteticamente.
As mudanças que mais afetam a alimentação dos idosos são as relacionadas às funções do trato gastrintestinal. A ingestão de alimentos é diminuída pelas perdas sensoriais de olfato e paladar que afetam o apetite e diminuem o estímulo para o segmento do processo digestivo; secreção salivar diminuída, disfagia, atrofia gástrica, hipocloridria e diminuição de secreção pancreática, que dificultam a digestão de certos alimentos provocando rejeição dos mesmos; e a diminuição da atividade enzimática (como da lactase) e a diminuição da motilidade intestinal, que podem levar à constipação. Com todos estes fatores, a biodisponibilidade de nutrientes fica prejudicada, bem como o estado nutricional, podendo aumentar o risco de doenças crônicas como a osteoporose.
Sendo o cálcio dietético de grande importância na saúde e no metabolismo ósseo, deve-se atentar para o consumo das quantidades recomendadas, preferencialmente fornecidas pelos alimentos da dieta. Os produtos lácteos e o leite fornecem aproximadamente dois terços da ingestão de cálcio, sendo o restante preenchido principalmente pelos vegetais de folhas verdes. De acordo com os estudos, assim como o Cálcio, a Vitamina D mostrou-se com consumo inadequado na dieta de idosos. O consumo elevado de cafeína apresenta efeito deletério sobre o cálcio orgânico, de forma a aumentar sua excreção urinária, assim como o consumo de taninos e excesso de proteínas. São necessárias mais pesquisas que englobem esta população, e de fato é essencial que estes recebam noções sobre prevenção e promoção da saúde, buscando reduzir a osteoporose tão presente nesta faixa etária.

Nenhum comentário:

Paz!