Alegrai-vos no Senhor!

quinta-feira, fevereiro 18

Bairro inteiramente adaptado para idosos é inaugurado em Singapura


Cerca de dois mil voluntários, estudantes e equipes de atendimento ao público em lojas, restaurantes, hospitais e igrejas, foram treinados para saber a maneira mais eficiente de interagir com o público da terceira idade

Imagine uma situação na qual um idoso sai de um supermercado, sem pagar, e é acusado de furto. No caso, o idoso é senil, e a cena, quase sempre, é bastante constrangedora – para o idoso e para quem a presencia. 

Bem, existe um lugar no mundo onde essa cena será encarada – e tratada – com o devido respeito. Em Singapura foi criado o primeiro bairro adaptado para idosos, com moradores qualificados para atender a todas as necessidades dos idosos, especialmente as dos que estão senis. 

São cerca de dois mil voluntários, estudantes e equipes de atendimento ao público em lojas, restaurantes, hospitais e igrejas, todos treinados para saber a maneira mais eficiente de interagir com o público da terceira idade. 

Segundo o jornal Straits Times, a iniciativa foi fruto da parceira da Prefeitura de Yishun, uma das cidades que tem a maior proporção pessoas com mais de 65 anos do país – 10% de seus 20 mil habitantes –, com o Khoo Teeck Hospital e a Lien Foundation. 

Tratamento especial 

O tratamento é direcionado para que não haja constrangimento nem estigmas para aqueles que inspiram cuidados. Assim, caso algum morador se perca, haverá um instrutor preparado para ajudar, ou caso saia de um estabelecimento sem pagar, não será acusado de furto. 

O projeto está dando tão certo que vislumbra ser estendido para outras áreas de Singapura, com a criação de novas comunidades para que os idosos não tenham que ser realocados em asilos e hospitais, e possam continuar em suas casas da maneira que estão acostumados




Semáforos 

Até nos semáforos Singapura encontrou uma boa maneira de facilitar a vida dos idosos na hora de atravessar a rua. Pessoas com mais de 60 anos ou alguma deficiência podem obter um cartão especial para andar nos ônibus e trens, similar ao nosso Bilhete Único. Esse mesmo cartão pode ser usado em leitores existentes em semáforos especiais para pedestres. Ao detectar o cartão como válido, o semáforo automaticamente estende o tempo por até 13 segundos.

Nenhum comentário:

Paz!